A primeira história que vamos contar na seção de carreiras será de uma pessoa muito especial que conseguiu um emprego novo aos 69 anos.

Hoje, vamos conhecer a história da Monika Silva, que faz parte do atendimento do Reclame AQUI.

Não deixem de conferir abaixo o depoimento que ela mandou para a gente:

Era domingo à noite, minha filha estava de visita, de olho no celular e de repente falou:

“Mãe, o Reclame AQUI está procurando uma profissional acima de 55 anos, a chamada é ‘A gente contrata a sua vó!’  Os interessados devem enviar um e-mail para queromudaromundo@reclameaqui.com.br”.

Minha reação foi de pegar o contato e mandar um e-mail imediatamente.

E assim fiz, comecei meu texto assim: “Eu sou a avó interessada na contratação” e escrevi algo sobre minha experiência e meu dia a dia.

Na segunda-feira, dia seguinte do anúncio, recebi uma ligação do Reclame AQUI dizendo que tinha sido selecionada junto com outras quatro candidatas. Me perguntaram se eu poderia comparecer na empresa na terça-feira e eu logo aceitei.  

A entrevista

Foi muito chique, fomos conduzidas por um carro até a sede do Reclame AQUI.  A primeira impressão já foi muito boa, primeiro, ficamos em uma antessala com os móveis muito coloridos e um painel enorme do Ervilho em traje de gala numa festa. Depois fomos conduzidas para a sala de reunião e apresentadas ao Reclame AQUI.

Vimos alguns vídeos de campanhas, tivemos oportunidade de nos apresentar, nos levaram para almoçar com diretores e funcionários e, em seguida, fomos conduzidas de volta para nossas residências. 

Emprego novo

Não é preciso dizer que fui selecionada, junto com a Bete que cuida da Recepção.  Maurício, o criador do RA, que teve a ideia de lançar essa campanha, prometeu que iria se empenhar junto a outras empresas parceiras para colocar as demais selecionadas e muitas outras que se candidataram. Hoje, já tivemos um ótimo retorno com relação a esse tema.

Já faz mais de um mês que faço parte da Equipe de Atendimento do Reclame AQUI e gosto cada dia mais.  Trabalho rodeada de jovens que poderiam ser meus netos, mas são todos muito queridos e pacientes para me mostrar os caminhos para realizar, da melhor forma, o meu trabalho.

Quando adolescente eu disse ao meu pai que queria estudar medicina e a resposta dele foi: “Pra quê? Logo você casa e vai cuidar dos filhos, não vale a pena”. Quando na ideia dele, ou até na minha, seria possível imaginar que aos 69 estaria iniciando em um emprego novo.  Novos tempos, novas ideias, novas oportunidades.  Ainda bem!

Trabalho desde os quinze anos de idade. Como o curso de medicina estava fora de cogitação, cursei o técnico em Secretariado e depois me formei em Ciências Sociais na USP, casei, tive 4 filhos e trabalhei, com alguns intervalos, na função de secretária até fevereiro de 2015.

Não sabia o que faria depois, mas tinha certeza de que alguma coisa ia aparecer. Apareceu e aqui estou começando de novo. Voltei a fazer parte da população ativa, me sinto mais feliz, e percebi que ainda tenho muita lenha pra queimar.

7 comentários »

  1. É isso mesmo Monika!!!
    Ainda tem muita lenha para queimar. Sem contar a experiência e sabedoria que pode compartilhar.
    Parabéns por fazer parte deste time, o que conseguiu pelos seus méritos.
    Parabéns ao Reclame AQUI por esta visão tão moderna de como tratar as pessoas!!!
    Sou fã!!!
    Savoy

  2. Adorei!!! Me motivei com a sua história Monika, eu já estava desanimando, pois estou com 53 anos e sem trabalho desde 2013. Parabéns RA, espero um dia fazer parte dessa equipe.

  3. Parabéns Mônika! A conheço e sei da sua capacidade independente da idade. Oxalá mais empresas tenham essa iniciativa e aproveitem a experiência e competência das vovós.

  4. Fiquei muito contente com a ideia, já conheço a Monika de muitos anos sei de sua competência e habilidades, vai se sair muito bem nessa nova jornada,ainda mais trabalhar com jovens é uma delicia.Parabéns á EMPRESA, Parabéns querida amiga, como diz os jovens Uhuuuuuu

  5. Adorei a iniciativa da inclusão de pessoas com mais idade ao mercado de trabalho,vcs estão de parabéns.
    Eu com meus 48 anos estou encontrantando muita dificuldade de me recolocar no mercado,estou concluindo um curso técnico em administração e espero de verdade ter a mesma sorte e chance da Monika.
    PARABÉNS A VCS,LINDA ATITUDE.

Deixe uma resposta