Por: Gisele Teixeira, analista de marketing do Reclame AQUI


A série norte-americana The Big Bang Theory foi lançada por Chuck Lorre e Bill Prady em Setembro de 2007 e apresenta o cotidiano de 4 amigos muito nerds e cômicos. É incontestável o sucesso dos personagens, por isso, decidimos escrever sobre eles.

Com 11 temporadas exibidas, a série já ganhou muitos prêmios em eventos famosos dos Estados Unidos, como Emmy Awards e Globo de Ouro.

Já contamos por aqui como algumas séries que assistimos no dia a dia podem nos mostrar atitudes que levamos para nossa vida pessoal e no trabalho. E, com The Big Bang Theory não é diferente, tiramos grandes lições para refletir e melhorar nosso cotidiano e atendimento a nossos clientes.

Leia: 5 coisas que podemos aprender com “O Diabo Veste Prada”

Sheldon Cooper – Defeitos ou qualidades? Tudo depende do ponto de vista! 

O personagem é cheio de defeitos e qualidades, irritantes e encantadores ao mesmo tempo. O Sheldon é organizado ao extremo, e é para isto que queremos olhar positivamente.

Pense bem! Adotar rotinas e criar processos no trabalho traz otimização do tempo e organização também e isso muda tudo. Olhe para as coisas que se repetem e detalhes, e no final elabore processos para cada etapa.

Ao fazer isso você estará criando rotinas saudáveis que permitirão enxergar o crescimento e desenvolvimento do seu trabalho.

A outra característica muito legal do Sheldon é sua honestidade. Analisando mais a fundo, notamos que ser honesto com o cliente traz coisas boas e aumenta a possibilidade de fidelizá-lo. As pessoas preferem saber a verdade, confie nisso e comprove.

sheldon

Leonard Hofstadter –  Paciência e liderança! 

Interpretado pelo ator Johnny Galecki, Leonard possui qualidades que se destacam entre os outros personagens da série.

Ele é um cara muito paciente, sensível, romântico e não deixa de tomar posição de liderança entre os amigos quando necessário.

Apreendemos com o Leonard a ser paciente ao atender, ouvir mais as pessoas, entender os detalhes relevantes dos processos e assim ter tempo para coisas que realmente trazem benefícios.

Com este personagem vemos a importância do papel que cada pessoa exerce na sociedade, em casa e no trabalho. Então, guarde isso para se impor e liderar nas diversas situações.

A paciência e liderança levará a segurança e com que seus clientes sintam a organização do trabalho e da empresa, resultando num excelente atendimento aos seus clientes!

leonard

Leia mais: 6 coisas que podemos aprender de atendimento com a série ‘Friends’

Rajesh Koothrappali – Raj – Importantes lições de humildade e sensibilidade!

Raj é um personagem curioso e peculiar, interpretado pelo ator Kunal Nayyar, um outro gênio da turma!

Ele é obcecado por ficção científica e se especializa em astrofísica. Suas principais características principais são sensibilidade e humildade.

Ao refletirmos na parte da sensibilidade enxergamos que esta característica ajuda em muitas coisas do tipo: convivência com os colegas, compreensão dos problemas dos seus clientes e, no final das contas pode evitar a resolver alguns conflitos.

Falando da humildade, sempre que possível não deixe de cultivá-la e você verá como facilita resolver assuntos rapidamente e com dignidade. Por isso, não tenha medo de ser humilde, assumir erros ou falhas.

Praticar a humildade potencializa seu crescimento, não só profissional, mas pessoal. As ações de humildade alimentam fortemente as relações, lembre-se de aplicá-las com seus clientes e ganhe muito mais!

giphy

Howard Wolowitz – Autoconfiança e bom humor sempre!

O Howard é o personagem mais hilário da série. Com seu perfil bem humorado e autoconfiante tentar ser o “conquistador”.

A primeira coisa que aprendemos ao observar a personalidade do Howard é que ter bom humor deixa nossa rotina mais leve, mesmo nas situações mais adversas.

Durante o atendimento ao cliente podem acontecer problemas que, por vezes, nos fazem perder o bom humor e até o rumo para resolvê-los, mas isso acontece porque falta jogo de cintura para reagir de forma mais positiva.

Acredite sempre para ter como resultado boas soluções aos problemas, por mais complexos que possam ser.

Por último, analisamos a autoconfiança do Howard e percebemos que está bastante ligada ao jogo de cintura e bom humor. Por isso, quando acontecerem casos críticos, mostre-se confiante e bem humorado que certamente a solução virá naturalmente.

giphy (1)

Leia mais: 6 coisas que você pode aprender sobre atendimento em Grey’s Anatomy

Deixe uma resposta